Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Maio, 2015
Crítica: "Big Game" ("Big Game - Instinto Caçador"), de Jalmari Helander



Ora aqui está uma boa surpresa: "Big Game - Instinto Caçador", de Jalmari Helander (realizador do filme de culto "Rare Exports"). Um blockbuster finlandês, que narra a história de Oskari (Onni Tommila), um adolescente acampado na floresta que se vê obrigado a proteger o Presidente dos Estados Unidos da América (Samuel L. Jackson), quando o Air Force One é abatido a tiro por um grupo de terroristas sádicos. A partir daí, o cineasta cria um thriller de ação/aventura tresloucado, delirante e extremamente divertido. Um prazer total!


8/10 Miguel Anjos
Destaque Da Semana (28/05/2015-03/06/2015): "Big Game" ("Big Game - Instinto Caçador"), de Jalmari Helander


Também Em Estreia:




Crítica: "Pitch Perfect 2" ("Um Ritmo Perfeito 2"), de Elizabeth Banks



As Barden Bellas (Anna Kendrick, Rebel Wilson, Hailee Steinfeld, Brittany Snow, Alexis Knapp, Ester Dean, Hana Mae Lee, Chrissie Fit e Anna Camp) estão de volta. Depois de terem ganho o título nacional, no filme de 2012 que surpreendeu pelos seus diálogos hilariantes e elenco inspirado. Agora serão obrigadas a vencer o campeonato mundial de a cappella (nunca antes vencido por uma equipa americana), de modo a recuperar o seu prestígio, depois de uma atuação humilhante para o presidente dos Estados Unidos. "Um Ritmo Perfeito 2" (título original: "Pitch Perfect 2") não possui o "efeito surpresa" do seu predecessor, mas quando se tem um sentido de humor assim tão afinado isso também não interessa nada, além disso Rebel Wilson continua uma presença loucamente cómica.


8/10 Miguel Anjos
Crítica: "White Bird In A Blizzard" ("Pássaro Branco"), de Gregg Araki



Figura icónica do cinema independente americano, Gregg Araki (realizador de fitas emblemáticas como "The Living End - Viver Até Ao Fim", "The Doom Generation", ou "Mysterious Skin - Pele Misteriosa") regressa às salas de cinema quatro anos após o bizarro (e genial) "Kaboom - Alucinação" (um favorito pessoal daquele que vos escreve) com este belíssimo "Pássaro Branco" (título original: "White Bird In A Blizzard") um filme misterioso, vibrante e nostálgico, algures entre o drama juvenil (típico de Araki) e o thriller suburbano (claramente reminiscente de David Lynch). A história gira em torno de Kat Connors (uma Shailene Woodley absolutamente prodigiosa), uma adolescente americana de 17 anos, cuja vida é drasticamente afetada pelo desaparecimento da sua mãe, Eve (Eva Green, fantástica como sempre). A partir daí, Araki (que também assina o …
Destaque Da Semana (21/05/2015-27/05/2015): "White Bird In A Blizzard" ("Pássaro Branco"), de Gregg Araki



Também Em Estreia:









Crítica: "Prisioneira", de Atom Egoyan



Título Original: "The Captive" Realização: Atom Egoyan Argumento: Atom EgoyanDavid Fraser Elenco: Ryan Reynolds, Scott Speedman, Rosario DawsonKevin DurandMireille Enos Género: Crime, Drama, Mistério Duração: 112 minutos
Possivelmente o mais amado dos cineastas canadianos, Atom Egoyan (realizador de fitas como "Exótica", "O Futuro Radioso" ou "Adoração") regressa às salas de cinema dois anos depois do pouco visto "Devil's Knot - Os Condenados" (que por cá foi lançado directamente para VOD), com um filme monumental: "Prisioneira" (título original: "The Captive") um thriller psicológico enigmático e absorvente, de uma tensão sufocante, ancorado por um elenco em topo de forma (Ryan Reynolds e Mireille Enos, como pais desesperados, são um destaque óbvio), que funciona como uma análise perspicaz e inquietante da forma como o voyeurismo se têm vindo a tornar parte integr…
Crítica: "Mad Max: Fury Road" ("Mad Max: Estrada Da Fúria"), de George Miller



Perseguido pelo seu turbulento passado, Mad Max (uma interpretação prodigiosa de Tom Hardy) acredita que a melhor forma de sobreviver é não depender de mais ninguém para além de si próprio. Ainda assim, acaba por se juntar a um grupo de rebeldes que atravessa a Wasteland, numa máquina de guerra conduzida por uma Imperatriz de elite, Furiosa (Charlize Theron, o coração do filme). Este bando está em fuga de uma Cidadela tiranizada por Immortan Joe (Hugh Keays-Byrne, que interpretou Toecutter o vilão do primeiro filme da saga), a quem algo insubstituível foi roubado. Exasperado com a sua perda, o Senhor da Guerra reúne o seu letal gang e inicia uma impiedosa perseguição aos rebeldes. Trinta anos depois de ter encerrado a trilogia original "Mad Max" (cujo primeiro título, com Mel Gibson, surgiu em 1979) com o fabuloso "Mad Max III: Além Da Cúpula Do Trovão" (1985), o genial…
Destaque Da Semana (14/05/2015-20/05/2015): "Mad Max: Fury Road" ("Mad Max: Estrada Da Fúria"), de George Miller



Também Em Estreia:





Crítica: "A Humilhação", de Barry Levinson




Título Original:"The Humbling"
Realização:Barry Levinson
Argumento:Buck Henry, Michal Zebede
Elenco:Al Pacino, Greta Gerwig, Dianne Wiest
Género: Comédia, Drama
Duração: 112 minutos 

Nome emblemático do cinema americano dos anos 80/90, Barry Levinson (realizador de verdadeiros clássicos como "Bom Dia, Vietname", "Rain Man - Encontro De Irmãos", "Avalon" ou "Manobras Na Casa Branca") atinge um novo patamar na sua carreira com "A Humilhação" (título original: "The Humbling"), uma comédia negra inteligente e charmosa, na qual o cineasta traça um retrato íntimo de um ator em declínio (uma interpretação notável de Al Pacino), que se envolve emocionalmente com uma mulher lésbica, com metade da sua idade (a sempre deslumbrante Greta Gerwig). Tendo como ponto de partida o romance homónimo de Phillip Roth (aqui adaptado pelos argumentistas Buck Henry e Michael Zebede), "A Hu…
Crítica: "Hot Pursuit" ("Perseguição Escaldante"), de Anne Fletcher



Anne Fletcher, cineasta norte-americana responsável por êxitos de bilheteira como "Step Up" (2006) ou "A Proposta" (2008) regressa às salas de cinema com a comédia de ação "Perseguição Escaldante" (título original: "Hot Pursuit") uma fita divertida e bem-ritmada, ancorada pelo charme e talento da sua dupla de protagonistas (Reese Whiterspoon e Sofía Vergara), que apesar de não primar pela inteligência da sua trama, consegue fazer rir com notória eficácia.


7/10 Miguel Anjos
Destaque Da Semana (07/05/2015-14/05/2015): "The Humbling" ("A Humilhação"), de Barry Levinson



Também Em Estreia:





Crítica: "Eden" ("Éden"), de Mia Hansen-Løve



"Éden" é belo, é nostálgico, é tocante e envolvente. "Éden" é todas estas coisas e muitas mais, mas acima de tudo é uma experiência cinematográfica única, na qual a cineasta francesa Mia Hansen-Løve (que também assina o argumento, em conjunto com o irmão Sven, a narrativa centra-se aliás no seu passado como Dj parisiense nos anos 90) pinta um sofisticado fresco sobre o crescimento e a mudança inerente a ele. Não é um filme "fácil", mas também é isso que faz dele tão gratificante.


10/10 Miguel Anjos